Vovô do panetone

Um padeiro inquieto e inventivo, Marcos Cerutti, da S.p.A. Pane, viajou ao século 5 para resgatar a história do Pain d´Epice. Na época, o vovô do panetone, conhecido como Mi-Kong, era um pão de mel chinês feito a partir de farinha de trigo e, por vezes, complementado com ervas aromáticas. Textos do século 8 citam o Mi-Kong como parte da comida dos cavaleiros de Gengis Khan, atribuindo poderes mágicos à iguaria. Hoje, a magia do Pain d´Epice está na dedicação de Cerutti para resgatar uma receita ancestral. Numa releitura, ele criou um pão de fermentação longa, composto por um blend de farinhas integrais e naturais, que ganha ainda o tom cítrico da laranja e do limão para equilibrar com as especiarias e o mel acrescidos à massa. Frutas e nozes completam o sabor, que vai fazer todo mundo babar na mesa de Natal. Com foto de Tomás Rangel. Curta nossa página em http://www.facebook.com/comerbeberviajarcomursulaalonsomanso e siga o Instagram @comerbeberviajar

unnamed

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s